Dora (Fernanda Montenegro) é uma professora aposentada que escreve cartas para analfabetos para complementar sua renda na estação Central do Brasil, no Rio de Janeiro. Certo dia, ela escreve uma dessas cartas para uma mulher que viaja com o filho Josué (Vinícius de Oliveira) e busca o paradeiro do pai do menino, que sonha em conhecê-lo. Após uma tragédia repentina, os destinos de Dora e do garoto se entrelaçam, e ela decide ajudá-lo a encontrar seu pai. Um dos filmes brasileiros mais aclamados, Central do Brasil é um divisor de águas na história do cinema nacional. Fernanda Montenegro é impecável, sendo a única atriz brasileira até o momento a ser indicada ao Oscar de Melhor Atriz por esse papel. Sua interpretação é tão convincente que algumas pessoas que não participavam do filme vieram pedir seus serviços na estação. O ator Vínicius de Oliveira, que era um engraxate no aeroporto e fora descoberto por acaso pelo diretor quando o menino o pediu para comprar-lhe um sanduíche, nunca havia assistido um filme na vida e, talvez por isso, é capaz de transmitir um realismo poucas vezes visto. Emocionante do começo ao fim, Central do Brasil fará você rir, chorar e torcer pelos destinos dos personagens. Arrebatadora, a película está garantida no escalão das grandes obras-primas do cinema brasileiro!


Diretor:
Walter Salles
Título original: Central do Brasil

 

Assista ao trailer:

Central do Brasil (1998)

Comentários

comentários