Jesse (Ethan Hawke) e Celine (Julie Delpy) se encontram casualmente num trem. Ele voltará para os Estados Unidos no dia seguinte. Ela deve seguir para Paris, mas ele a convence a descer em Viena e acompanhá-lo no restante daquele dia. Enquanto passeiam pela capital austríaca, os dois se apaixonam lentamente. Mas a manhã se aproxima e, junto com ela, o momento de dizer adeus. Narrando uma história que poderia acontecer com qualquer um de nós, a obra-prima nos conquista por sua simplicidade e pelas atuações magníficas dos protagonistas, com naturalidade e uma química extraordinária. Repleto de diálogos sobre temas como vida, amor, religião e memórias do passado, o roteiro nos dá a sensação de estarmos acompanhando um encontro em tempo real, testemunhando aquelas duas pessoas se apaixonando de verdade. “Antes do Amanhecer” é uma história de amor que nos cativa e nos faz torcer contra um final que se anuncia logo em seus primeiros minutos. Ao longo da narrativa, nos tornamos íntimos de Jesse e Celine, torcemos por eles, rimos e choramos. Você certamente deixará a projeção refletindo sobre o tema principal da película e se questionando: Quantas pessoas especiais passam pelas nossas vidas sem que a gente perceba? Não existe outra forma de descobrir a verdade que não seja “arriscar”, e “Antes do Amanhecer” nos brinda com uma verdadeira aula sobre o tema!


Agradecimentos:
Cinema e Debate
Diretor: Richard Linklater
Título original: Before Sunrise

Antes do Amanhecer (1995)

Comentários

comentários